Hospital Universitário Oswaldo Cruz/UPE inaugura Serviço de Radioterapia

A gestão executiva do Hospital Universitário Oswaldo Cruz da Universidade de Pernambuco (HUOC/UPE) inaugura na manhã desta quarta-feira (20), às 10h, o seu Serviço de Radioterapia. Com o equipamento, pacientes oncológicos terão acesso a um tratamento de qualidade no combate ao tumor.

A iniciativa se deu através do Protocolo de Mútua Cooperação celebrado entre a União por intermédio do Instituto Nacional do Câncer (INCA), a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES/PE) e a Universidade de Pernambuco. No dia 06 de junho de 2022 o HUOC recebeu a autorização de funcionamento concedida pela Comissão Nacional de Energia Nuclear. 

Leia mais...

Procape recebe voto de aplausos da Câmara Municipal do Recife pela realização do primeiro transplante de coração

Em solenidade marcada pela emoção, a equipe médica que realizou o primeiro transplante de coração, pelo SUS, do Pronto Socorro Cardiológico Universitário de Pernambuco (Procape) recebeu “voto de aplausos” do vereador Tadeu Calheiros em nome da Câmara Municipal do Recife. O evento aconteceu na sede da unidade de saúde na manhã desta quinta-feira (14).

Estiveram presentes no evento, a vice-reitora da UPE, Profa. Vera Gregório, o diretor e a vice-diretora do Procape, Ricardo Lima e Irmã Lucimar, servidores e funcionários.

Referência no tratamento a cardiopatias, o Pronto-Socorro Cardiológico da Universidade de Pernambuco (PROCAPE/UPE) realizou com sucesso, o primeiro transplante de coração no mês de junho. O processo de credenciamento da unidade junto à Central de Transplantes teve início em dezembro de 2017. Foram 5 anos de trabalho na estruturação do Programa de Transplante Cardíaco da unidade de saúde.

Fundado no dia 29 de junho de 2006 graças ao empenho do cardiologista Enio Lustosa Cantarelli, o PROCAPE foi incorporado em 2012 ao Complexo Hospitalar da Universidade de Pernambuco (UPE).

“Agradeço a homenagem em nome da nossa reitora Socorro Cavalcanti. É esse reconhecimento que nos mantém vivos. O SUS é universal e gratuito. Portanto, é nosso dever promover atenção integral à saúde”, destacou a vice-reitora.  

Foto: Ascom do vereador Tadeu Calheiros

SSA da UPE abre inscrições dia 18 de julho com criação de cinco novos cursos

 

A Universidade de Pernambuco (UPE) lançou nesta quinta-feira (30) as novidades do seu vestibular seriado (SSA), cuja inscrição acontece a partir do próximo dia 18 de julho. Foram criados cinco novos cursos: terapia ocupacional, no campus Santo Amaro, licenciatura em computação, no campus Mata Norte, enfermagem no campus Ouricuri, sistemas de informação e engenharia de software, na unidade de Surubim.  O calendário foi aprovado em reunião do Conselho Universitário (CONSUN).

O número de vagas ofertadas pela instituição é de 3.480, distribuídas em 11 campi, para 54 cursos de graduação, sendo: 1.740 no SSA e 1.740 no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação (MEC).

Os candidatos que possuem o Número de Inscrição Social (NIS), inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais, poderão solicitar isenção da taxa de inscrição em período definido no calendário do manual do candidato que será disponibilizado no site do processo a partir do dia 14 de julho.

Outras informações através dos telefones: (81) 3183-3660 e 3183-3791, no e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou ainda no endereço eletrônico: http://processodeingresso.upe.pe.gov.br.

 

PERÍODO DE INSCRIÇÕES:

SSA: 18/07 a 18/08/2022

Solicitação de isenção (candidatos com NIS): de 18 a 24/07/2021

Taxa: R$ 110,00

 

CALENDÁRIO DE PROVAS:

SSA 3: 04 e 05 de dezembro de 2022 (manhã)

SSA 1: 11 e 12 de dezembro de 2022 (manhã)

SSA 2: 11 e 12 de dezembro de 2023 (tarde)

Reitoria em Ação apresenta realizações e perspectivas da UPE para comunidade acadêmica dos Polos EAD

 

A comunidade acadêmica de 12 polos EAD da Universidade de Pernambuco (UPE) recebeu na manhã desta quinta-feira (14) a Reitoria em Ação, iniciativa em que a reitora Socorro Cavalcanti e equipe discutem sobre questões das unidades de ensino da UPE de interesse de professores, servidores e alunos da instituição.

Por uma hora e meia, integrantes dos cursos de graduação e pós-graduação dos Polos Tabira, Águas Belas, Floresta, Gravatá, Santa Cruz do Capibaribe, São José do Egito, Ouricuri, Afranio, Sertânia, Surubim, Cabrobó e Palmares, tomaram conhecimento das ações realizadas pela reitoria durante o período da pandemia da Covid-19 e puderam esclarecer suas dúvidas.

A reitora, Socorro Cavalcanti, fez uma apresentação mostrando como a Universidade de Pernambuco atuou durante esse momento de "travessia", além de informar dos dois novos Polos EAD que serão implantados em breve em Fernando de Noronha e Triunfo, foi abordado sobre a seleção simplificada de profissionais de saúde (670) para o Complexo Hospitalar, a produção e veiculação de aproximadamente 150 materiais audiovisuais e mais de 60 podcasts combatendo as fake news.

Além disso, foi implementado o Período Letivo Suplementar (ensino remoto) para os 54 cursos de graduação presencial e manutenção das atividades do ensino à distância para as 5 graduações EAD, além do lançamento de editais para demandas específicas no contexto da pandemia, como o edital de Inclusão Digital, Auxílio Deslocamento, Apoio Psicossocial e Psicopedagógico, entre outros.

“Durante o período da pandemia nós quase triplicamos o número de projetos aprovados e isso mostra o quanto a comunidade da UPE se mobilizou pra atender a demanda da sociedade naquele momento, então, a universidade além de desenvolver projetos, ofereceu cursos e prestação de serviço", ressaltou Socorro Cavalcanti.

A equipe que integrou a Reitoria em Ação foi composta pela vice-reitora, Vera Gregório; pelo ex-diretor da Escola Politécnica de Pernambuco, José Roberto Cavalcanti; e pelo coordenador do Núcleo de Educação a Distância, Renato Medeiros, que fez a abertura da apresentação.

Após a escuta de todos que fazem a UPE, a reitoria vai encaminhar avaliar as possibilidades para viabilizar os investimentos necessários para a constante expansão da universidade.